Como enfrentar as insónias – o efeito placebo do sono
CategoriesCuriosidades sobre o Sono

Como enfrentar as insónias – o efeito placebo do sono

Já todos sabemos: se dormes mal durante a noite, o dia seguinte será terrível. Está irritado, mal-disposto e com dificuldades de concentração, o que se reflete no teu trabalho e vida pessoal. Parece que a ciência descobriu um pequeno truque de como o teu próprio psíquico  pode enganar o teu cansaço e aproveitares o máximo de energia possível apesar do sono. A ciência analisou e testou o “efeito placebo do sono”.

 

Como enfrentar as insónias

Efeito Placebo do Sono

O efeito placebo do sono é a crença de que, logo após acordares, pensares que dormiste muito e bem – isto faz com que te sintas melhor e com mais energia.
Porque quando acordas e pensas “bolas, mais uma noite em que devia ter dormido mais” o teu corpo funciona dessa maneira. Ficas cansado e sem foco durante todo o dia.

Dormir é essencial para descansar a mente e o corpo, processa todas as informações e tarefas diárias, filtra aquilo que é mais importante e regenera a tua saúde física e mental. Tudo isto enquanto dormes. Só depois de dormires 7 a 8h, é que o teu corpo desperta refrescado, pronto a viver mais um dia – um novo dia que termina da mesma forma que começou.

No entanto, quando não dormes o suficiente, sentes-te mais cansado e privado de energia. Um estudo demonstrou que se acreditares que dormiste o suficiente, este comportamento altera-se.

 

 E afinal, o que é o efeito placebo do sono?

O que é o efeito placebo? Placebo pode ser qualquer coisa, pode ser um comprimido sem funcionalidade que tomas mas que achas que te vai ajudar, que tem uma substância na sua constituição e que te vai resolver o problema. Basicamente, é um comprimido que não tem efeito mas que leva a tua mente a acreditar que sim e assim o teu corpo irá reagir positivamente.

Um estudo clínico realizado em 164 participantes mostrou que é possível imaginar que estás bem desperto e com foco na tua tarefas, mesmo se não dormiste bem ou o suficiente. Os “cobaias” foram informados do que aconteceria durante a noite: seriam conectados a dispositivos tecnológicos que monitorizariam e recolheriam dados acerca do seu sono (pulsação, fase de sono, duração,….).  Mas na verdade, estes dispositivos não recolheram nenhuma informação, apesar de serem ditos o contrário. Na manhã seguinte, preencheram um formulário onde responderam se e como dormiram. Vários participantes receberam os resultados desses formulários, indicando o nível de qualidade do seu sono.

 

Os resultados

No final, as opiniões e os resultados dos testes divergiram. As pessoas que consideraram que não dormiram bem, foram levadas a acreditar que os resultados do seus teste haviam sido bastante positivos. Isto levou a que estes participantes estivessem mais ativos e geralmente satisfeitos durante esse dia.

Portanto, se acreditas que estás a dormir melhor, irás enfrentar os teus dias muito mais facilmente e melhor. O que não significa que te podes dar ao luxo de dormir menos.

 

As insónias devem ser tratadas

Apesar deste “truque”, é fundamental que durmas bem. E claro que o colchão Emma Original ajuda-te a usufruires das tuas merecidas horas de descanso… ou melhor, a dormir! As máscaras ou a nossa almofada Emma também te podem ajudar. No entanto, se sofres de insónias deverias marcar uma consulta com o teu médico o mais rápido possível.

 

 

Esperemos que este artigo te ajude a enfrentar as próximas noites mal-dormidas e não te esqueças de escrever algo nos comentários.

Até à próxima, dorminhoco 😉

 

 

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *